Como congelar vegetais e legumes

Aproveite as férias para adquirir novos hábitos! Congelar os vegetais e legumes ajuda no dia-a-dia, facilita a organização nas refeições e aumenta a economia, já que acaba com o desperdício.

congelamento de verduras congelar vegetais como congelar os legumes vida saudável vida prática dicas para facilitar as refeições
Olha quanta coisa dá pra manter congelada apenas nas prateleiras da porta no freezer do meu refrigerador duplex: em cima tem cenoura e abobrinha em cubinhos, brócolis, mandioquinha e pimentão. Embaixo, espinafre, mandioca, salsão, abóbora e queijo ralado.

Congelar alimentos e preparos tem sido uma das melhores estratégias para cozinhar e comer com qualidade e variedade.

Para falarmos de congelamento, precisamos falar de dois conceitos: branqueamento e congelamento aberto.

O branqueamento consiste em aferventar e em seguida resfriar muito rapidamente os vegetais que serão congelados, provocando um choque térmico, a fim de inibir a ação das enzimas e preservar os nutrientes do alimento.

Branqueamento de brócolis

O tempo de branqueamento depende de cada vegetal, de acordo com a sua consistência, variando de 1 a 3 minutos. Você deve mergulhá-los em água fervente, retirá-los com uma escumadeira e mergulhá-los em uma tigela com água filtrada e cubos de gelo pelo mesmo número de minutos. Em seguida, escorra, elimine toda a água que puder e congele.

O congelamento aberto é o processo de congelar os alimentos fracionados em bandejas, separados, até que endureçam, e só então embalá-los, para que não grudem uns nos outros e seja possível retirar só a quantidade desejada do pacote. Pode-se congelar em aberto bifes, pedaços de aves, hambúrgueres, mas eu uso bastante essa técnica com legumes em geral, rodelas de pimentão, talos de salsão, etc.

Cubos de abóbora em congelamento aberto, antes de serem acondicionadas no saco de congelamento

Os vegetais para se ter no freezer são:
– cenoura e abobrinha em cubos pequenos
– abóbora em cubos médios
– mandioquinha em rodelas
– mandioca em metades
– brócolis em buquês
– ervilhas
– pimentão em rodelas ou cubos
– espinafre, só as folhas
– salsinha

Não é recomendado congelar hortaliças que serão consumidas frescas.

Mandioquinha em rodelas

O processo é simples!

Descasque e corte os legumes; elimine os talos de brócolis, espinafre ou salsinha; retire as sementes dos pimentões; higienize tudo direitinho, faça o branqueamento (exceto do pimentão, salsão e folhas em geral), e congele eliminando o máximo possível de água e retirando todo o ar possível das embalagens.

Os vegetais congelados perdem a crocância e acumulam água, então não ficam bons para ser consumidos crus. Mas são ótimos na maioria dos preparos cozidos ou assados.

As folhas, como espinafre e salsinha, podem ser trituradas ainda congeladas; basta apertar o saquinho assim que retirar do freezer. É bem prático, evita o trabalho de picar.

Uma regra fundamental do congelamento é: nunca congele duas vezes o mesmo alimento. Em muitos casos, carnes e aves podem ser congelados uma vez cruas e outra cozidas. Se descongelar, não torne a congelar.

Vale a pena seguir estas dicas para uma vida mais gostosa, prática e saudável!
Fonte: Adaptação de Cozinha da Ceci

Leia também:
– Petiscos saudáveis para festa
– Orgânicos online
– Como fazer uma horta em casa

congelamento de verduras congelar vegetais como congelar os legumes vida saudável vida prática dicas para facilitar as refeições
Oba! Comida colorida, saudável e prática! 🙂
Anúncios

2 comentários sobre “Como congelar vegetais e legumes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s